Skip to main content

Como pagar menos impostos em 2022: para área de serviços

Independentemente do seu faturamento anual prestando serviços, tenho certeza que não quer pagar mais impostos do que o necessário, certo? Afinal de contas, nosso país já conta com um sistema de tributação denso, e o pagamento “desnecessário” de tributações pode impactar ainda mais em seu planejamento para este novo ano.

A taxa tributária corresponde, em média, a 20% do faturamento das empresas brasileiras, ou seja, é uma obrigatoriedade de se carregar mensalmente.

O principal erro que muitos prestadores de serviços cometem é não ter uma empresa, isto é, um CNPJ. Isso faz com que os impostos se tornem muito mais abrangentes. Por essa razão, criamos este artigo aqui no blog da SeeS Contabilidade para te explicar tudo o que você precisa saber sobre o tema e, claro, como pagar menos impostos em 2022.

O que é CNPJ?

A princípio, CNPJ é a sigla para Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica. Ele serve para identificar o negócio nos mais diversos tipos de atividades, como a emissão de notas fiscais ou o pagamento dos impostos.

Para ficar mais claro, podemos comparar o CNPJ ao CPF: todo brasileiro deve ter um Cadastro de Pessoa Física. Com ele, é possível abrir uma conta no banco, pedir um cartão de crédito, declarar o Imposto de Renda etc.

O CNPJ funciona da mesma forma, mas para as empresas: com ele, a Receita Federal acompanha regularmente as transações financeiras das Pessoas Jurídicas e verifica se elas estão pagando os tributos da forma correta.

Preciso ter um CNPJ?

É válido dizer que todos os negócios, independentemente do tamanho, devem ter um CNPJ. Aliás, ele é essencial para empresas de diferentes portes, desde o MEI até uma grande corporação.

Quando a empresa está formalizada, isto é, com o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, ela se torna uma atividade totalmente legalizada, sem chances de nenhum problema com fiscalizações ou algo do tipo.

Vantagens de abrir uma empresa

Diferentemente do que muita gente pensa, abrir um CNPJ traz muitas vantagens e economias para o faturamento da empresa. Claro, existem algumas burocracias que devem ser seguidas à risca, mas isso não precisa ser sinônimo de problemas na sua vida.

Embora pareça apenas mais uma burocracia em meio a tantas outras no país, existem alguns benefícios em ter um CNPJ, como:

Emitir nota fiscal;
Empréstimos empresariais com juros menores;
Financiamentos para compra de equipamentos e melhorias na infraestrutura;
Compras em larga escala com fornecedores;
Contratação de funcionários.

Para falar a verdade, abrir uma empresa faz com que o seu negócio ganhe uma estrutura sólida, além, claro, da importância regulamentar as suas atividades perante a Receita Federal.

Como pagar menos impostos em 2022?

Se chegou até aqui, certamente porque quer saber como pagar menos impostos em 2022, certo?

A nossa dica principal é… abrir um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica para legalizar as suas atividades! Isso pois um dos principais fundamentos de ter um CNPJ é justamente  a necessidade de reduzir os impostos para melhorar o faturamento.

Prestadores de serviços que não têm CNPJ estão sujeitos a serem enquadrados como Pessoa Física. Dessa forma, para você ter uma ideia, as alíquotas de Imposto de Renda para PFs podem chegar a até 27,5% ao ano. Já imaginou?

Essa é uma porcentagem bastante alta e pode impactar consideravelmente o seu lucro anual. Portanto, ao formalizar seu negócio, você também faz uma adequação dele à faixa de impostos ideal.

Se um prestador de serviços declara seu Imposto de Renda como Pessoa Física, ele precisa usar uma base de cálculo de 15%, nos casos em que a sua renda anual esteja entre R$ 33.919,81 e R$ 45.012,60, ou 27,5% para rendimentos superiores ao último valor. Caso a declaração seja feita como o de Pessoas Jurídicas, este percentual ficaria cerca de 13% somados aos outros impostos pagos por este profissional.

Claro, ninguém gosta de pagar impostos, mas eles são fundamentais para manter as atividades em dia e, claro, evitar problemas com o fisco. Caso opte por não entrar em conformidade com a Receita Federal, existem duas ameaças: o de exercer atividade de forma irregular ou de pagar mais impostos do que precisa.

Leia também: Como abrir uma empresa: descubra o passo a passo

Vou abrir um CNPJ, o que devo fazer?

Se você está decidido em abrir um CNPJ e legalizar as suas atividades, o primeiro passo é saber qual regime tributário se encaixa. Os principais são:

Microempreendedor Individual, o famoso MEI;
ME – Microempresa;
EPP – Empresa de Pequeno Porte

O Microempreendedor Individual é a categoria mais simples e com menos burocracias, além de não ter a necessidade de contratar um serviço de contabilidade. Entretanto, ela é bem limitada numa visão empresarial, já que foi criada com o objetivo de retirar os trabalhadores autônomos da informalidade.

Para se enquadrar como MEI, sua empresa deve:

Estar dentro do quadro de atividades permitidas pela legislação de MEI;
Faturar até R$ 81.000,00 por ano;
Não ser sócio ou titular de nenhuma empresa;
Ter, no máximo, um colaborador contratado que ganhe mensalmente até um salário mínimo ou o piso salarial da categoria.

Agora, caso as características da sua prestação de serviços não se enquadrem como Microempreendedor Individual, o ideal é consultar um serviço de contabilidade profissional, que vai te auxiliar em todos os trâmites e garantir que a sua empresa seja legalizada o mais rápido possível.

Se quer pagar menos impostos em 2022, procure pela SeeS Contabilidade. Além de garantir total tranquilidade, a SeeS desenvolve soluções simples, seguras e 100% digitais para sua vida empreendedora.

Ficou com alguma dúvida ou precisa entrar em contato com a gente? Clique aqui e nos envie uma mensagem no WhatsApp, ficaremos muito felizes em te atender!

SeeS Contabilidade Online

Em tudo o que realizamos, acreditamos que a contabilidade da sua empresa pode ser uma tarefa simples, segura e com custo acessível. A forma que encontramos para que isso seja possível foi criando processos, otimizando recursos e focando exclusivamente em micro e pequenos prestadores de serviços. O resultado é uma contabilidade sob medida para você que têm muitas prioridades, valoriza seu tempo e dinheiro. Convidamos você para também fazer parte dessa história!



    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.