Skip to main content

Vai lá e faz.

Uma das coisas mais importantes nesses últimos meses foi a mudança na forma de pensar, além de ter que superar o medo de errar eu tinha duas opções, enfrentar a realidade ou fugir dela.

Sei que é difícil reconhecermos os nossos próprios erros, mas em várias situações eu escolhi a segunda opção. Por diversas vezes me achei injustiçado, azarado, e era muito mais fácil dar uma desculpa do que dar uma solução.

Mas ai eu me perguntei: o que eu poderia ter feito de diferente para que as coisas acontecessem de outra forma? E o melhor de tudo é que a resposta já estava na pergunta.

Fazer. Ter feito seria a resposta para muita coisa que eu só falei, pensei, planejei e não fiz. Ação gera ação, e se alguém tem que começar esse alguém sou eu.

Não é fácil encarar a realidade, seja qual for seu desafio, você precisa assumir uma responsabilidade.  Quando aparecer um problema,  você deve encontrar uma solução. E o mais importante é você fazer acontecer, só assim você supera as adversidades e não fica a espera de um milagre.

Posso dar alguns exemplos para ilustrar melhor, se você quer cozinhar, dançar, tocar bateria, correr uma maratona, você precisa ser o responsável por isso acontecer. Você pode dar várias desculpas, mas o poder para realizar está na suas mãos.

A vítima reclama que não tem preparo físico. O empoderado começa a caminhar.

A vítima diz que não tem coordenação motora. O empoderado vai na aula de bateria.

A vítima reclama do Governo, de Deus e do mundo.

O empoderado vai lá e faz.

Teve um livro que foi muito importante nesse período, chamado VLEF do Tiago Mattos, que é um multi empreendedor brasileiro, futurista, educador, palestrante e escritor. O livro mostra as coisas que ele aprendeu planejando menos e fazendo mais (não sei se vai sair uma segunda edição impressa, mas se alguém quiser tem o PDF grátis disponibilizado por ele).

Abra sua empresa e aumente o seu faturamento, faça AQUI

Bruno Salvatori

Fundador na empresa EventoJá. Sistema de gestão de orçamentos, clientes e contratos para fornecedores de eventos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *